quinta-feira, 15 de abril de 2010

O vício da vida


Nem todas as escolhas da vida são fáceis de serem decididas
Ou melhor, nenhuma escolha é fácil de ser feita
Mas como você pode escolher o lado que você nunca esteve?
Como você pode escolher algo que nunca experimentou?

Você pode!

Não tenha medo de tentar, isso no máximo pode estragar sua vida
e te levar a morte.
Mas o que é a morte? O fim da vida? Ou o começo de uma nova
esperança?
Não sonhe que realizar seu sonho é ou será a coisa mais importante da sua vida
Porque não é, e não será.

Você vai chegar ao topo e perceber que voltou ao inicio
Essa é nossa vida sob escorregador.
Aqui em baixo sentimos uma sensação melhor do que lá em cima
Pois não temos a obrigação de descer, subir ou continuar no alto.

A escolha de hoje decide o futuro do seu amanhã
Mas não pense que o seu futuro é certo
Incertezas ocorrem para você ter certeza do que quer
E tenha certeza que a sua certeza é incerta

Não procure em mim a perfeição
Poderá encontrar ou não, dependerá apenas do seu modo de me ver
Veja - me como a águia que voa pelos montes mais altos
Ou como o inseto mais nojento que conhece

Tanto faz!

Você não me conhece com exatidão para me julgar
O julgamento é injusto quando usado para a condenação
Porém infinitamente justo para o absolvição
Não se prenda ao modo de enxergar e ensaie com os olhos fechados

Sinta as vibrações das cordas vocais em sua mente
O beijo como prova de amor e selamento de uma amizade
A sensação do aperto sentindo coração com coração
Nada paga mais, nada supri melhor a minha carência do que o seu sorriso



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado