terça-feira, 6 de julho de 2010

Me deixa


Não sou quem penso
Nem pesnso ser quem sou
Eu quero voar
Pra bem longe daqui

Quero me encontrar
E não temer sorrir
Posso ser feliz
Se eu buscar a minha felicidade

Posso ser independente
Se eu viver a minha vida
Tenho tudo que podem me dar
Mas não tenho tudo que quero

Não sou mais aquela ingenua criança
Eu penso por mim
E tiro minhas proprias conclusões
Não penso ser a justiça

Aprendi a esperar
Aprendi a me conter
Mas eu nunca vou desistir
Da ideia de estar com você





By @ecumeno

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado