terça-feira, 14 de setembro de 2010

Letras embaralhadas de um sentimento vazio


É engraçado o quanto eu me apego! Eu amo sem noção
Amo loucamente, me apaixono e sofro
Não é algo que acontece só comigo, sou consciente disso
Sei que ocorre com muita gente, mas sem querer me fazer de vítima.

Comigo é pior!

É mais intenso, menos saudável, é mais puro
O pior é que me sinto bem assim, não tenho medo de sofrer
E sofro constantemente

E a distancia ein?

São fronteiras que nos impedem de mergulhar em um sentimento mais profundo

Não tenho certeza do que quero, nem de quem sou
Mas se você fosse meu vizinho seria bem mais fácil
Seria bem melhor!

Está provado que a solidão faz mal a saúde
Mas o que posso fazer se estou tão acostumada a ser apenas eu?

Ta bem!

Vou me entregar de corpo e alma á você, prometo ir te ver.

Nem é tão longe!?

Prometo te fazer feliz, te fazer sorrir sempre e nunca te deixar triste
Serão os $20,00 mais bem gastos da minha vida
Ah! Promete pra mim que você também vai fazer todo esse sacrifício por mim?
Promete que não vai ser apenas mais uma exposição?

Minhas letras embaralhadas não são besteira pra você. São?
Não pense que só porque conversei contigo apenas por 6hrs ininterruptas
Que não te conheço bem
Únicas seis horas de nossa história

E mais uma vez me iludo sem ao menos conhecer meu ser amado, tenho que parar.





@ecumeno by Jessica Mota

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado