domingo, 3 de outubro de 2010

Acordando do sonho
Sim, estou bem.

Acho que estou tendo uma recaída, porque eu queria termina-lo.

Tudo começou com um beijo, e como pôde terminar deste jeito?
Foi só um beijo.

Foi só um beijo.

Agora eu volto para a casa, e ela para a dela.
Ele conta piadas sem graça,
E ela se diverte.

Ela chega na porta de casa, e meu estômago revira,
Eu não estou vendo nada mas imagino perfeitamente.

Ela pega as chaves, vai até a porta, mas retorna... e eles se beijam.

Não posso mais imaginar, isso esta me matando... e tomando o controle.

Ciúmes, pragueado ao ar... transformando-se em aparente apatia
Não demonstrando nada para seus alíbes...

Mas esse é preço que eu pago, por ser tão devagar
Meu destino agora me chama... não vou parar de caminhar.

Porque perto de você, para um pessimista, até que sou um bom otimista.








By: @JoaoKr

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado