terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Playing God (Brincando de Deus) - Paramore

É uma das músicas que eu mais gosto, a letra é muito boa, me identifico com ela, e o clipe também... Mostra uma pessoa que se sente julgada por seus colegas, e começa a procurar deifeitos neles analisando suas fotos com uma lupa. Então ela faz novos amigos, mas não se livra da memória de seus antigos amigos, onde os prende em seu porão só para satisfazer seu desejo de "julgamento não retribuido". Passa a se sentir tão distorcida pelo excesso de julgamentos mas prova que é capaz de reconhece-los ao se olhar sem medo ao espelho.
Essa é a minha interpretação do clipe... veja, e tire a sua!



Tradução

Não posso tomar minhas próprias decisões
Ou tomar qualquer uma com precisão
Bem, talvez você deva amarrar-me
Então eu não vou aonde você não queira que eu vá

Você diz que eu tenho mudado
Que eu não estou simplesmente envelhecendo
É, como isso poderia ser lógico?
Apenas continue empurrando ideias minha garganta abaixo

Você não tem que acreditar em mim
Mas tem que entender meu ponto de vista
Na próxima vez que você apontar um dedo
Eu posso ter que entortá-lo
Ou arrancá-lo, arrancá-lo
Na próxima vez que você apontar um dedo
Vou te apontar ao espelho

Se é de Deus que você está brincando
Bem, nós devemos nos conhecer mais
Porque tem que ser tão solitário
Ser o único que é sagrado

É só minha humilde opinião
Mas é uma na qual eu acredito
Você não merece um ponto de vista
Se a única coisa que você vê é você

Você não tem que acreditar em mim
Mas tem que entender meu ponto de vista
Na próxima vez que você apontar um dedo
Eu posso ter que entortá-lo
Ou arrancá-lo, arrancá-lo
Na próxima vez que você apontar um dedo
Vou te apontar ao espelho

Esta é a última segunda chance
(Eu vou apontar-te ao espelho)
Eu sou meio tão bom quanto posso
(Eu vou apontar-te ao espelho)
Estou em ambos os lados da cerca
(Eu vou apontar-te ao espelho)
Sem um pingo de arrependimento
Vou segurar-te a ele

Você não tem que acreditar em mim
Mas tem que entender meu ponto de vista
Na próxima vez que você apontar um dedo
Eu posso ter que entortá-lo
Ou arrancá-lo, arrancá-lo
Na próxima vez que você apontar um dedo
Vou te apontar ao espelho



@JoaogKr

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado