segunda-feira, 26 de março de 2012

SKELETON SONG - KATE NASH

Talvez para muitos essa lirica não faça sentido... mas para mim faz e eu acho ela linda:


Esqueleto, você é meu amigo
Mas você é feito de osso
E você não tem carne nem sangue correndo através de si
Para ajudá-lo a proteger o osso

Sim, Esqueleto, somos amigos há anos
E você tem me visto passar por alguns percalços
E algumas lágrimas
Mas todo mundo me acha esquisito

E eu deveria saber
Que não demoraria até você
Você me deixar em uma situação constrangedora
Com atenção indesejada
E uma necessidade de explicar
E não é que eu esteja te deixando
Mas eu não sei o que fazer

Esqueleto, nós somos tão próximos
Mas você não tem corpo algum
Então por que você insiste em usar roupas?
Esqueleto, quando éramos mais novos era mais fácil
Mesmo que as outras crianças, elas caçoavam de mim
Eu tinha poucos anos quando o tive, mas agora tenho 20

E agora é diferente
Quando eu o levo pra sair e você
Você me deixa em uma situação constrangedora
Com atenção indesejada
E uma necessidade de explicar
E não é que eu esteja te deixando
Mas eu não sei o que fazer

E algumas vezes, à noite
Eu sonho com as coisas mais terríveis
Eu pego um martelo e desço da cama
E eu o levanto alto e despedaço sua cabeça
Fíbula e tíbia e costelas e jaulas também
Aliás, enquanto estou aqui, vou despedaçar você inteiro

Despedaçaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaar

Mas... Esqueleto, você é meu amigo
E eu nunca poderia dar um fim à sua vida
Sim, Esqueleto, você é meu amigo
E eu estarei com você até o fim

E apesar de quando eu o levo pra sair, você
Você me deixa em uma situação constrangedora
Com atenção indesejada
E uma necessidade de explicar
Eu nunca poderia deixá-lo
E isso é tudo o que sei

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado