domingo, 9 de setembro de 2012

Como se fosse um livro.

No silêncio desta noite escutei meu coração batendo
Como se fossem passos pela casa
Não era você, só um sentimento materializado quase chegando
Comecei a revirar minha memória atrás de uma lembrança que não me fizesse sofrer
Mas não encontrei nada além de você

Então me ame, me ame... me ame como se fosse uma história de um livro
Eu te encontraria em um ponto de ônibus durante uma chuva
E nos beijaríamos como se fosse um capítulo final

Mas se isso fosse um livro... você estaria aqui agora.


JOÃO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado