terça-feira, 27 de novembro de 2012

30 dias, um sentimento. Dia 02: como nos conhecemos.

Oi

Esta é a segunda carta...
Vou contar para você como nos conhecemos. Ou melhor, como eu te conheci.
Talvez você não se lembre. De fato, você não se lembra, e mesmo que lesse essa carta não lembraria.

Era uma terça feira. O verão estava no fim.

Eu estava com alguns amigos meus, conversando sobre assuntos alheios. Você repentinamente entrou na sala em que estavamos conversando.
Você usava roxo. Lembro-me bem da cena.

Nunca vi alguém tão linda.

Apenas isso. Confesso que não demorou muito para eu começar a gostar de você.
Já sou macaco velho nessa de ser a pessoa errada para quem eu julgo ser a certa para mim, então logo que percebi, tentei mesmo fazer com que isso não acontecesse. Mas foi inevitável.
Eu queria que me notasse e ao mesmo tempo queria que não.

A única vez que conversei com você por mais de 10 minutos, me senti o mais idiota do mundo.

"Eu deveria ter dito coisas mais inteligentes" - Intriguei comigo mesmo.

Talvez seja por isso que não lembra de mim.
Ou talvez lembre como o garoto de papo furadíssimo que conheceu em uma terça feira no fim do verão.

Por favor, não lembre de mim.


att.

João.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado