quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

O amor é cego, surdo e mudo



Se o amor é cego, você é o meu mor cego
Meu morcego, minha morcega, o meu motivo de viver

Eu te amo (uuu) eu nos desejo: Muita paz, muita alegria
E uma porção de queijo
Eu te amo (uuu) eu te desejo.
E pararia essa canção só para te mandar um beijo: SMACK!

Então vem e faz de mim o seu abrigo
E me proponha algum castigo
Se eu fizer você sofrer (ouô)

Então vem e faz de mim uma caverna
Dentro de mim você hiberna
Sem nenhum medo de morrer (meu amor)

Se o amor é surdo, você é o meu escudo
Minha proteção, minha audição, o toque do meu violão

Eu te amo (uuu) eu nos desejo: Muita paz, muita alegria
E uma porção de queijo
Eu te amo (uuu) eu te desejo.
E pararia essa canção só para te mandar um beijo: SMACK!

Então vem e faz de mim o seu abrigo
E me proponha algum castigo
Se eu fizer você sofrer (ouô)

Então vem e faz de mim uma caverna
Dentro de mim você hiberna
Sem nenhum medo de morrer (meu amor)

Se o amor é mudo, você é as minhas mãos
Minha voz, o meu cantar, os meus sinais de falação

Eu te amo (uuu) eu nos desejo: Muita paz, muita alegria
E uma porção de beijos
Eu te amo (uuu) eu te desejo.
E pararia essa canção só para te mandar um beijo: SMACK!

Então vem e faz de mim o seu abrigo
E me proponha algum castigo
Se eu fizer você sofrer (ouô)

Então vem e faz de mim uma caverna
Dentro de mim você hiberna
Sem nenhum medo de morrer (meu amor)


Jessica.

4 comentários:

Somos gratos pelo seu comentário, comente sempre, isso nos ajuda a saber nosso progresso na escrita.

Obrigado